Retórica

Padrão

E se toda caminhada fosse em vão? E se todo amor não fosse nada? E se tudo que vivemos se perdesse como areia ao vento, mudando de duna em duna, sem qualquer menção a uma permanência maior? O que fazer quando nada muda? Quando a historia se repete? Eu queria tanto que fosse você. Por quê? Por que pra ti, nada do que sou importa? Por que há outro alguém pra me amar de forma invejável e você nem percebe? O que falta para que teus olhos me vejam como os dele? O que me faz tanto para um e tão pouco, tão falha para outro? Por que nada faz sentido? Por que tem que ser assim?Por que não mereço uma estrela?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s