Virada I

Padrão

Estou partindo, mas não estou partida: continuo inteira. Meus pedaços estão ligados por concordarem comigo por unânimidade, estava na hora de viver. Não a vida dos que amo, nem a vida que adiava ver, mas aquela reservada pra mim e que me necessita só, aberta e crua. Desse banho de realidade e sonho, vou sair com marcas, histórias e muito mais vontade de seguir em frente do que tive até agora, parada. E por mais que eu tema o novo, os abismos, algo em mim grita que basta voar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s